oncologia
Combate ao câncer
No Dia Internacional de Combate ao Câncer, a rádio CBN recebe o médico oncologista do Hospital Albert Einstein Rafael Kaliks para uma entrevista sobre a prevenção do câncer e o combate a esta doença. Ouça aqui a matéria completa....
Qualidade de vida no paciente com câncer
A rádio CBN realizou uma entrevista com o doutor Rafael Kaliks, médico oncologista do Hospital Albert Einstein, sobre a qualidade de vida no tratamento do paciente com câncer. Ouça aqui a entrevista completa....
Tratamento oral contra o câncer
A rádio CBN entrevistou o doutor Rafael Kaliks, médico oncologista do Hospital Albert Einstein e diretor científico do Instituto Oncoguia, a respeito do uso de medicamentos orais no tratamento contra o câncer. Ouça aqui a entrevista....
Políticas para combate ao câncer decolo de útero
O Brasil pode fechar o ano com um número de casos de câncer de colo de útero muito superior aos 17,5 mil estimados pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca). Apesar do número alarmante, o diretor do Instituto Oncoguia, Rafael Kaliks, considera a projeção do Inca conservadora. “Existe uma variabilidade muito grande do número de casos por 100 mil habitantes entre os estados e não tem motivo para uma região ter muito maior incidência do que outra. Existem locais onde os números não estão sendo documentados de forma adequada”, afirmou o oncologista. Leia aqui a matéria completa....
Novo estudo tem potencial para mudar forma como se trata câncer de mama
A publicação de um estudo na conceituada revista científica Journal of the American Medical Association (JAMA) em 09 de fevereiro deste ano, questiona a validade de um paradigma no tratamento do câncer de mama que já dura algumas décadas. O dogma que prega a retirada dos gânglios das axilas quando o tumor houver se espalhado para esses gânglios passa agora a ser questionado. Mas para contextualizar esta nova informação que agora surge, temos de olhar para o que vem ocorrendo ao longo das últimas décadas em relação ao tratamento do câncer de mama. Inicialmente, o tratamento cirúrgico era a única...
Cirurgia reduz risco de câncer de mama
O câncer de mama é a quinta causa de morte por câncer no mundo e o segundo tipo mais frequente, pois aproximadamente 7% das mulheres devem desenvolver a doença durante a vida. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 1 milhão de novos casos da doença são diagnosticados anualmente e a incidência está aumentando em países europeus, afetando uma a cada 16 mulheres. Dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca) estimaram que, em 2008, o número de novos casos no Brasil atingiriam 49.400. Desse total, entre 10% e 15% são hereditários. “Quando a mãe ou a...
40 ou 50 anos: quando iniciar a mamografia?
Acima da polêmicas do meio médico, há uma verdade que prevalece: a mamografia ainda é o melhor caminho para prevenir o câncer de mama. Portanto, o quanto antes melhor....
O que é o câncer
O aparecimento de um tumor é sempre consequência de uma alteração no material genético de uma célula. Todas as células do nosso corpo se dividem (em velocidades variadas), e ao longo destas divisões, invariavelmente ocorrem alterações nos genes. Quando o organismo não consegue corrigir a mutação genética ou eliminar esta célula com mutação, e quando esta mutação faz com que a célula se divida de maneira exacerbada e descontrolada, surge o tumor....
Consulta com seu oncologista
A primeira consulta tem por objetivo permitir ao médico estabelecer um vínculo com o paciente e sua família e, ao mesmo tempo, fornecer ao médico informações clínicas importantes durante a conversa e exame clínico do doente. Serve também para que o médico possa analisar exames que o paciente porventura já tenha feito....
Sim, o câncer tem cura
Em meio à sensação de choque percebida pela maioria dos pacientes, queremos que você entenda que o câncer pode ser curado em muitos casos (muitos mesmo), tem tratamento na grande maioria deles, e que há sempre algo que pode ser feito para ajudar o paciente a passar pela doença e seu tratamento....
1